Olhar Comum » Arquivo » clássicos curitibanos – o mímico

clássicos curitibanos – o mímico

Ser mímico na rua XV não tem graça nenhuma.



7 comentários para “clássicos curitibanos – o mímico”

  1. katia horn disse:

    que engraçada essa nossa Curitiba, né Gilson?…

  2. gil disse:

    demais. o bastante é muito pouco.

  3. Catatau disse:

    Ué, não somos a cidade sorriso?

    ;)

  4. jan disse:

    vejo q ele tem 3 opções: ser mímico em outra rua, ser mímico em outra cidade, ou, na pior das hipóteses, não ser mímico…

  5. Gilson Camargo: foto-poeta « Curitiba é um copo vazio cheio de frio disse:

    […] Gilson Camargo: foto-poeta Clássicos Curitibanos […]

  6. Chico Camargo disse:

    Belissima foto Gil !! Gostei mesmo. Abraços

  7. IEDA MARIA disse:

    SER MIMICO PODE ATÉ NÃO SER COMPENSADOR POR QUE SOMENTE OS MAIS SÁBIOS SABEM VALORIZAR O QUE É BOM. ENTÃO VEJA QUE A ARTE DIFICILMENTE É VALORIZADA, PORTANTO MUDE DE RUA.

Deixe seu comentário

Ao acessar, percorrer e utilizar o site www.gilsoncamargo.com.br e seus sub-domínios, você estará aceitando as condições e termos aqui expressos, sendo responsável único e exclusivo, perante terceiros, sobre a (i) veracidade, (ii) legalidade, (iii) exatidão e (iv) boa-educação das informações que prestar e gerar nas caixas de comentários, isentando o mantenedor da página, de forma irrevogável e irretratável, de qualquer reclamação oriunda do mau-uso da página, pelo usuário. Se tiver qualquer dúvida a respeito de tais atributos, não comente.